Entre na primavera com cores e estilo!

Amanhã chega a primavera. A estação das flores traz com ela a marca da transformação. Não é só a natureza que se renova, mas a nossa casa também pode entrar nessa grande brincadeira. Que tal trazer um pouco de cores e alegria para os ambientes sem perder de vista um toque de atualidade e estilo?

A nossa dica é fugir um pouco da coisa mais tradicional e romântica, muito comum quando lembramos de flores. A gente pode apostar em algo mais estilizado, como a mistura de estampas e as cores mais fortes.

decoração de primavera, como decorar sua casa na primavera, cantinho charmoso, futton com almofadas

1

Encher a casa de almofadas com estampas de flores pode ser o jeito mais fácil e rápido de dar um certo ar de primavera ao ambiente. Abuse dessa mistura com cores fortes, como rosa pink,  vermelho, amarelo e azul turquesa. Arrumadas assim, em cima de um futon colorido, elas ficam ainda mais charmosas. Principalmente quando são o toque de cor para um ambiente branco como esse.

Como decorar a casa na primavera, estampas de flores, papel de parede de flores, mistura de estampas na decoração

2

O papel de parede é outra opção bacana para colorir a casa na primavera. Ele pode ficar mais moderno quando misturado a outras estampas. Repare nesse ambiente: flores na parede, listras no sofá, poá nas almofadas. As cores trabalhadas não brigam entre si: verde musgo, vermelho, marrom e amarelo. Esse detalhe é fundamental para que a mistura de tons e formas não seja exagerada.

como usar cores em ambiente neutro, como colorir ambiente neutro

3

O ambiente tem como base vários tons de cinza. Sofás, tapete, almofada e móveis oferecem neutralidade para a sala. Dessa maneira, fica muito interessante inserir alguns objetos de muita cor, como essa cadeira amarela e o pufe com estampas de listras e flores com traços antinaturalistas. Cores e formas que dão vida ao ambiente!

tecido dá ar contemporâneo, misturando o romântico com o moderno, um toque de primavera no quarto

4

Encapar a cúpula de uma luminária antiga com uma linda estampa de flores pode ser uma saída bem criativa. Essa da foto lembra uma praia do Havaí. Misturar os elementos nesse caso pode ser interessante: o espelho e a cômoda com um ar mais retrô ganharam novos ares com o tecido mais contemporâneo.

Em qual das ideias apostaria nessa primavera para deixar sua casa mais charmosa?

Imagens: 1, 2, 3, 4

Casa de 1751 ganha banho de tinta e fica com a cara dos donos

Numa bela e antiga construção de 1751, a artista Kristin e seu marido Nicholas Mark passaram os últimos 14 anos pintando e repintando cada ambiente, conferindo aos cômodos um pouco de sua própria personalidade.

Tons fortes em verde, vermelho e azul contrastam com estampas geométricas nas paredes e nos acessórios, enquanto fotos antigas e o mobiliário de família dão uma pitada vintage à decoração.

biblioteca verde, móveis e objetos antigos, decoração vintage
Neste escritório, por exemplo, uma pintura de verde lavado na parede faz contraponto com a manta vermelha sobre a cadeira e o tapete turco. A máquina de escrever sobre a mesa de madeira e as dezenas de livros na estante, dispostos de forma aleatória, dão um toque pessoal ao espaço. As lanternas turcas penduradas também fazem a diferença e deixam a casa mais charmosa.
sofá listrado, papel de parede geométrico e cadeira vermelha na biblioteca
No living, a artista criou seu próprio papel de parede, recortando tampas de caixas do correio americano, colando-as umas sobre as outras e soltando sua criatividade na hora de pintá-las à mão. Mais uma vez são as fotos antigas, os móveis e outros objetos que mostram que vive uma família ali, e que não se trata apenas de um showroom de decoração.
Painel antigo de madeira cobre a lareira na sala e objetos trazidos de viagem dão toque pessoal à decoração
No entorno da lareira, o painel de madeira foi preservado. Objetos trazidos de viagens e algumas fotografias arrematam o visual.
Sala com parede estampada e florida, quadros e móvel antigo de família repaginado
Neste cantinho da parede, a pintura à mão faz a diferença. O aparador é herança da tia-avó da artista e, após ter recebido uma fina camada de tintura preta ficou um pouco mais moderna.
Cozinha rústica com móveis de madeira coloridos, piso de madeira de demolição, luminária de ferro fundido antiga, mesa de madeira antiga
Na cozinha, o móvel da avó foi repaginado. Ganhou tintura laranja e uma cortina de bordado no lugar de uma porta quebrada. Na copa, o piso de madeira de demolição foi mantido e combina com a madeira da mesa antiga. A luminária de ferro fundido preto complementa o aspecto rústico/retrô.
luminárias de papel, teto de madeira, cadeiras coloridas na sala de jantar
O casal construiu ainda um segundo ambiente para as refeições, que ficou divertido com lanternas de papel, quadrinhos e cadeiras coloridas.
Sala de estar com móveis de vime, luminárias antigas pintadas à mão e almofadas coloridas
Como extensão do ambiente de refeições, foi criada uma colorida área para as visitas, a partir de mobiliário de vime, almofadas de estampas distintas e luminárias antigas. Veja que a iluminação natural, vinda de janelas bem amplas, faz com que o espaço pareça maior do que realmente é.
quarto com parede laranja de patna ganha ar rústico com madeira aparente no teto
Neste quarto, os moradores optaram por brincar com tons quentes, como laranja, rosa e amarelo. O quadro na parede, que fica rústica com suas madeiras aparentes, se destaca por conta da cor verde.
banheiro tem metade da parede em madeira branca e a outra metade da parede amarela, com banheira antiga e manchada
Nem o banheiro escapou das cores! Metade da parede é coberta com réguas de madeira e a outra parte com tinta amarela. Veja que propositalmente foram deixadas algumas marcas de tinta na banheira, reforçando a mensagem de que ela já é bem antiga.
fachada da casa americana branca construída em 1751, decorada com cores por artista
Casa branca antiga de 1751 ganhou anexo de madeira
Por fim, vejam que singela a fachada da casa, que há dois anos recebeu um anexo de madeira.
Fotos: Houzz

Casa ganha novo invólucro sobre fachada antiga

Os arquitetos do escritório Ooze, com base em Paris e Roterdã, aceitaram o desafio de aumentar essa casa na Holanda aproveitando o espaço já construído e criando um novo invólucro pra fachada. A casa original lembrava uma típica fazenda holandesa e foi erguida no início do século passado.

Projeto de casa com telhado verde e ripas de madeira é do escritório escritório Ooze, com base em Paris e Roterdã

Casa recebeu nova fachada, mas preservou características antigas de fazendas holandesas

Em 2003, ela já havia passado por uma ampliação. Mas agora foram acrescentadas escada lateral, placas de grama e ripas de madeira no telhado para que a identidade com as antigas casas do bairro fosse mantida. O objetivo do escritório era “redescobrir o futuro” por meio da preservação da alma da casa da forma mais sustentável possível.

casa tem telhado verde, vigas de madeira, muito vidro e ângulos

Ampliação foi feita sobre estrutura antiga e deu espaço à construção de uma nova escada na lateral

As duas paredes principais da planta original tiveram sua altura aumentada para sustentar a nova altura da construção, de 11 m.

O layout consiste em uma estrutura de formato semicircular, com dois novos volumes verticais unidos sob um telhado pontiagudo.

Casa lembra origami japonês. Fachada nova foi erguida sobre estrutura antiga

Com ângulos diferentes, nova fachada lembra origami

O interior da casa é elegante e clean, com pouquíssimos móveis – convenhamos que com um exterior desses a casa nem precisaria de muito mais sofisticação por dentro!

Uma boa sacada foi o uso de painéis pré- fabricados de madeira na obra, o que permitiu que o projeto fosse concluído mais rapidamente.

A sala de jantar, que é uma extensão da cozinha, foi mantida no térreo e ganhou um mesão branco com luminárias bem modernas.

Cozinha fica na área térrea e tem saída para área verde

Cozinha branca e elegante foi construída no térreo da casa

Por serem mais leves, os materiais que foram usados também permitiram que as paredes externas mantivessem sua espessura fina. Veja que os limites entre teto, parede e chão desaparecem.

Novo anexo da casa holandesa deu a ela diferentes ângulos

No quarto, nova estrutura trouxe luminosidade, mas tomou parte da altura do teto. Por isso, a opção pela cama de futon

As novas escadas levam ao segundo e ao terceiro pavimento, onde foi feita a ampliação.

Casa ficou moderna com vidro, madeira e muitos ângulos, mas manteve identidade com antigas fazendas holandesas

No térreo da casa, anexo abriga escada que leva aos andares superiores

Luminárias modernas, escada e muitos ângulos em casa cômodo do novo anexo

Segundo andar da casa, com vista para telhado verde

Obra adicionou fachada feita de vidro e madeira à casa na Holanda

Muitos ângulos mesclam os limites entre teto, paredes e chão

Não é que o formato lembra aqueles origamis japoneses?

Fotos: Yatzer.com

Apartamento em Madri fica moderno, amplo e arejado após reforma

Com alguns pequenos detalhes é possível transformar totalmente a sua casa e modernizá-la, e é sempre estimulante quando conseguimos ver um exemplo desses. Quem diria, por exemplo, que esse apartamento em Madri era feio, escuro tinha portas estreitas e tetos baixos?

Sala branca ganhou cor com mesas vermelhas, luminária e quadros

Bastou que o proprietário derrubasse algumas paredes, elevasse o teto em 20 cm retirando o rebaixamento de gesso e aumentasse a largura das portas para que ele ficasse bem mais arejado.

Veja que o portal parece ter sido recortado, deixando mostrar as irregularidades na forma da madeira. O acabamento ficou interessante e aqueceu o ambiente, dando a ele um toque rústico que contrasta com o branco clean e os móveis pouco volumosos.

Além disso, a altura do portal ficou maior, o que dá a sensação de amplitude na sala.

Com a base toda branca, o cômodo ganha cores com as almofadas, os quadros na parede e as mesinhas de centro vermelhas.

sala branca e moderna, cortinas leves e brancas

Por ser uma sala pequena, o proprietário optou por usar duas mesas quadradas como mesa de centro. Além de terem uma estrutura bem leve, que não polui visualmente o ambiente, elas são versáteis já que podem ser usadas em diferentes posições.

Outra sacada bacana foi empilhar vários livros mais grossos, formando uma espécie de mesinha de apoio ao lado da poltrona.

sala moderna em apartamento de madri

Nos janelões foram usadas cortinas claras e leves, que permitem a entrada de mais luz e ventilação natural.

Sala de jantar se transforma em escritório e biblioteca

A sala de jantar ganhou um ar moderninho com cadeiras estofadas em tecido listrado preto e branco. Já o espaço da parede foi aproveitado para a instalação de uma prateleira, que abriga os livros da casa. A mesa de jantar também pode ser usada como mesa de escritório.

Área de circulação entre sala de jantar e de estar

Por trás das duas salas há uma área de circulação que leva para o quarto e a cozinha. O espaço ganhou um charme a mais com o tapete com estampa zebrada (super combina com as mesinhas vermelhas da sala de estar e com as cadeiras forradas da sala de jantar), uma escultura e um aparador embutido que pode esconder livros, louças e outras coisas da casa.

Apartamento pequeno e bem aproveitado com projeto moderno

O armário de madeira também pode abrigar louças, prataria e objetos de menor uso.

A passagem para a cozinha é feita por um portal bem amplo, com uma porta de correr para isolar o ambiente. Cada espacinho do cômodo é aproveitado com armários, gavetas e prateleiras. O fogão e o forno são embutidos para o melhor aproveitamento da área. Repare que a janela da cozinha a torna mais iluminada e arejada.

fogão e forno foram embutidos para aproveitar melhor espaço da cozinha

Na suíte, os espaços também são aproveitados ao máximo. A parede ganhou uma prateleira para livros e um espelho grande foi apoiado entre o dormitório e o banheiro.

Quarto pequeno e bem aproveitado com prateleiras e espelho na passagem entre dormitório e banheiro

suíte pequena ganhou espelho para ampliar espaço

Gostou das soluções? Então compartilha com os amigos!

Fotos daqui

Conheça soluções criativas para criar mais espaço em casa

Na semana passada a gente deu aqui oito dicas para decorar apartamentos pequenos. Dando continuidade àquele post, encontramos várias ideias legais e criativas para você economizar espaço ao montar sua casa.

A primeira delas é pendurar tudo o que for possível, explorando ao máximo os espaços na vertical! Nesse quarto de casal, por exemplo, a mesa de cabeceira tinha que ser bem pequenina para que coubesse no ambiente. Para evitar que a luminária competisse com livros, óculos copos d’água, o morador optou por instalar uma lanterna pendente. Ficou charmoso e deixou a mesinha livre para outras funções!

lanteria pendurada sobre mesa de cabeceira no quarto de casal

Para armários pequenos, a boa é aproveitar as portas para pendurar sapatos, bijus, lenços ou outros itens. Nesse exemplo,a solução foi criar uma sapateira vertical com bolsos para guardar os modelos mais usados no dia-a-dia.

guardar sapatos em bolsos verticais dentro do armário para quartos pequenos

O aproveitamento de áreas inutilizadas, como a parte de baixo da escada, também pode ser uma boa opção pra quem tem pouco espaço. Neste exemplo, os degraus deram lugar a gavetões e prateleiras. Veja que as diferentes alturas dentro das gavetas permite a armazenagem de itens volumosos e diversos como caixas, toalhas e roupas de cama.

gavetas e prateleiras embaixo da escada para economizar espaço

Na cozinha, o quadro para fixar panelas e acessórios, sobre o balcão, deixa os objetos à mão e economiza lugar na prateleira e na própria área de trabalho.

Pendurar panelas, colheres e acessórios de cozinha na parede

O mesmo conceito de pendurar os objetos em quadros pode ser usado para armazenar ferramentas na garagem ou em qualquer outro local disponível.

como guardar potes de ferramentas na garagem, pendurando-as em um quadro na parede

Ou, ainda, para guardar suas bijus como colares e brincos. No exemplo abaixo, elas tornaram-se parte da decoração…

pendurar colares e brincos em quadro economiza espaço em apartamentos e casas pequenas

Na sala ou o no hall de entrada, que tal aproveitar o espaço atrás de uma prateleira para fazer um closet para pendurar casacos, colocar guarda-chuvas ou chapéus?

área atrás de prateleira foi usada para construir closet ou armário para guardar casacos, guarda-chuvas e chapéus

E você, tem alguma ideia criativa para ganhar mais espaço em casa? Compartilha aqui com a gente!

Fotos: 1,2,3,4, 5, 6, 7 e 8

Preto, madeira e vermelho em apê masculino e sofisticado

A inspiração de hoje vem de um projeto bem masculino da arquiteta Carol Leães, que combina uma base de cores neutras – preto, branco e madeira – com cores em destaque, principalmente a vermelha. Com apenas 30 anos, Carol já se destaca na arquitetura de São Paulo e também atua na produção fotográfica de seus projetos.

Nesse apartamento localizado na Alameda Casa Branca, o preto predomina no banheiro, na sala e no quarto. Mas por ser misturado a outros elementos não deixa o ambiente ficar pesado.

Banheiro masculino e sofisticado em casa de homem solteiro

Na suíte, a combinação perfeita foi encontrada com o ofurô de madeira, que trouxe mais aconchego ao espaço. A cortina vermelha e o quadro em tom de laranja e preto ajudaram a aquecer o ambiente, e trouxeram até mesmo um ar de sensualidade, vocês não acham?

Quarto masculino com cama, parede e cabeceira preta

Além de ter ficado bonita, a cortina também dá privacidade à sala de banho, já que a porta que a separa do quarto é toda de vidro. A mesma cortina se destaca quando vista do quarto, provocando o mesmo efeito.

Pontos estratégicos de iluminação indireta, em tons de amarelo, deixam o cômodo ainda mais aconhegante. Veja que a madeira também foi usada no chão, em tábua corrida bem rústica, o que complementa essa sensação.

Na sala, o aparador negro sem pés flutua sobre a parede de tijolinhos aparentes e o chão de madeira. O vermelho se mostra no quadro e o restante dos tons é dado pelas bebidas do bar. Solução simples e classuda!

Apartamento masculino, preto e sofisticado

Os janelões do piso ao teto iluminam durante o dia mas podem ser fechados com as cortinas pretas que, em conjunto com o teto preto, conferem um aspecto teatral à cozinha e inesperadamente ampliam o ambiente. Lembram que falamos disso no post sobre o preto infinito?

O piso claro, além de delimitar a cozinha, equilibra a escuridão do preto e os spots de luz direta sobre as bancadas garantem uma iluminação adequada à noite.

Cozinha integrada à sala em tons de preto e metais deixou o apartamento sofisticado

O balcão principal faz lembrar uma ilha, já que fica bem no meio, sem qualquer ligação nas laterais.

Aqui, é o tom metálico dos eletrodomésticos que, combinados com o cinza, reforçam a sofisticação do apartamento.

Sala preta é aquecida por objetos como livros, bolas de sinuca e chão de madeira. Teto cinza, parede branca e sofá bege criam sensação de tom sobre tom

Na sala, até a mesa de sinuca é negra, e as bolinhas coloridas acabam se destacando. O mesmo efeito é obtido com os livros da estante e sobre a mesa de centro. Os quadros com fundo branco contrastam com a parede preta, assim como as poltronas Barcelona pretas na parede branca. O efeito de contrastes é repetido várias vezes, sempre de uma nova forma. A cor de concreto do teto e do sofá, entre o bege e o cinza, e o piso de madeira fecham a paleta de cores neutras.

Livros coloridos e quadros contrastam com o preto na sala

Como você acha que é o dono desse apê tão estiloso? Eu penso em alguém jovem, solteiro e, ao mesmo tempo, sofisticado e despojado, não?

Fotos: Carol Leães Arquitetura

Inspiração olímpica! Union Jack na Decoração

As Olimpíadas de 2012 começaram esta semana e a gente tá aqui torcendo pro Brasil subir várias vezes ao pódio. Enquanto as competições estão rolando, preparamos uma série de inspirações em Londres, onde ocorrem os jogos, para você deixar sua casa linda de morrer e ganhar a medalha de ouro em decoração!

Cores da bandeira no puff e nas almofadas contrasta com luminária e arquivo de metal

O quarto acima, por exemplo, ficou bem rockn’roll com a cama preta, o arquivo que virou mesinha de cabeceira e a foto em preto e branco impressa na parede. O puff e as almofadas estampadas com a bandeira do Reino Unido, a Union Jack, deram uma quebrada com o toque de suas cores bem vivas – azul e vermelho. Já o rosto de quadrinhos, de Roy Lichtenstein, trouxeram um ar pop e arremataram o quarto de forma bem humorada. Ficou perfeito para um adolescente, não?

Cores azul e vermelho estão em papel de parede, berço, almofadas e poltronas

Aqui no Brasil, a capital inglesa inspira até quartos de bebê. Essa coleção criada pela Vanessa Guimarães, chamada de London, ficou fofa e saiu do azul bebê que já é tão usado.

O quarto foi todo feito em tons de bege, azul e vermelho e ganhou detalhes como o guarda do palácio de Buckingham.

Esse bar pertence a um hotel superdescolado de Londres chamado citzenM. Novamente, você percebe a combinação do preto com o azul e o vermelho, com a estampa da bandeira britânica nas almofadas.

A estampa serve para criar não apenas ambientes mais modernosos, mas também fica muito bacana quando a intenção é ter um aspecto mais country. Neste exemplo, o tapete desbotado sobre o chão branco de madeira reforçou o aspecto mais despojado do ambiente, clima que foi reforçado pelo lustre, o banco de madeira e, claro, a lareira.

Union Jack inspira decoração nas Olimpíadas 2012

Mas se você prefere mais discrição, pode usar a estampa em apenas alguns pequenos detalhes, como nos destaques acima.

Ou você pode se inspirar nas formas retilíneas da bandeira e abandonar as cores tradicionais.

bandeira do reino unido estapada em comoda

O blog My Sweet Savannah até ensina como pintaram esta cômoda e como foi feita a almofada.

parede com bandeira do reino unido

Ou então, seja ousado e invente a sua combinação!

bandeira britanica pintada na comoda

Curtiu? Então convida os amigos para darem uma espiadinha aqui!

Fotos: 1, 2 e 3, 4, 5, 7, 8, 9

Foto 6: Pinterest e Coisas da Dóris

Ferramentas ajudam a colocar ambientes na planta

Aqui no nosso curso básico de decoração, a gente andou falando sobre a importância de se colocar na planta os ambientes que vamos decorar na hora de escolher e distribuir os móveis e objetos que compõem o ambiente.

É claro que tudo isso pode ser feito com um lápis e um papel, mas alguns sites oferecem programinhas e aplicativos que tornam a visualização muito mais real e empolgante.

Área externa feita no Sketchup. Tutoriais em vídeo ensinam como usar o programa

O Sketchup, por exemplo, permite que a gente veja todo o projeto em três dimensões e brinque com a posição, o tamanho, as cores e as texturas dos móveis, portas e luminárias.

Também oferece vários modelos básicos ou de design assinado que podem ser usados na hora de bolar sua casa. Como é um programa utilizado por muitos escritórios de decoração e paisagismo (existe uma versão profissional, que é paga), o programa disponibiliza uma gigantesca biblioteca de móveis e objetos de todo tipo, construídos e compartilhados por outros usuários.

De lá você pode baixar móveis, luminárias, vasos de plantas, escadas e até piscinas, diretamente no seu projeto. Depois é fácil alterar tamanhos e cores ou aplicar uma estampa do tecido que você quiser: é só fazer upload de uma imagem de referência.

imagem 3d de sala de tv

Este foi um projeto que eu fiz no Sketchup, tudo baixado do Armazém.

A ferramenta, à primeira vista, não parece muito fácil, ainda mais para quem não tem prática, mas existem dezenas de vídeos no YouTube ensinando como usar o programinha. O primeiro passo é baixá-lo.

Depois você pode começar a montar seu projeto, e até “entrar” no desenho, subindo e descendo escadas e rampas e visitando os cômodos da casa, como se estivesse dentro dela.

Uma das ferramentas mais amigáveis é o Floorplanner. Muito fácil de usar, super intuitiva e totalmente online – você não precisa baixar nada da internet nem fazer a instalação no seu computador.

E é em português (de Portugal, tá?). O usuário consegue descobrir sozinho como desenhar cada espaço da casa, apesar de alguns tutoriais também ajudarem. Assim como em outros programas, existem algumas opções de móveis e é possível ajustar as medidas. A única coisa que sentimos falta é de ter uma reguinha que meça as distâncias entre um e outro móvel depois que eles são colocados nos lugares em que desejamos.

distribuição de móveis na decoração

Uma planta baixa compartilhada por um dos usuários do Floorplanner.

Também com visualização em 3D, a ferramenta permite que os cômodos da casa sejam desenhados um por um, e depois sejam integrados. É possível mexer nas cores, alturas e espessuras da parede, o que facilita muito a elaboração da planta.

planejamento de decoração online

O mesmo apartamento, agora em 3D.

A biblioteca de móveis, acessórios e texturas é mais limitada, e a visualização em 3D não é tão flexível, o que às vezes te impede de ver como ficaria a sala vista de um determinado ângulo. Mas funciona bem para planejar um layout e ter uma boa ideia de como as coisas vão ficar.

Outra ferramenta bem bacana é o Mydeco, também em três dimensões. É possível visualizar a colocação de papéis de parede, móveis e objetos, e você não precisa baixar nenhum programa. Basta acessar a página na internet para brincar.

A qualidade da imagem em 3D é provavelmente a melhor de todas, bem realista. A desvantagem é que o site está todo em inglês, assim como os nomes dos móveis e acessórios que vão compor a sua casa. Além disso, algumas opções muito específicas de design, por exemplo, a gente não conseguiu encontrar.

visualização em 3d de sala decorada

Imagem compartilhada por um dos usuários do Mydeco

O Mydeco também oferece um programa muito bom para fazer moodboards online, assunto do nosso curso de decoração, lembram?

PT Home Styler funciona de forma parecida e você pode fazer o upload de imagens de pisos e itens que tenha em casa. A desvantagem é que não é possível colocar os tamanhos exatos dos móveis que você planeja para o ambiente, pois as alturas, larguras e comprimentos são pré-estabelecidos. Nesta ferramenta também é possível visualizar projetos feitos por outras pessoas e trabalhar em cima deles.

Planta ajuda na hora de decorar ambientes da casa como sala, quarto, jardim e banheiro

No Home Styler usuário pode se inspirar em plantas já feitas

Tem também um que é oferecido pelo Better Homes and Gardens. O problema neste caso é que as medidas não estão em metros, apenas em pés, que é o padrão americano. A ferramenta não permite que a gente desenhe janelas, portas e armários embutidos, nem tem uma visualização em 3D. Ou seja, é só para se distrair um pouco tentando imaginar como ficaria o projeto…

Testa aí e conta pra gente se deu certo? Estamos torcendo!

Agora se você quer programinhas mais simples e que te acompanhem nas suas compras, por exemplo, você precisa ver o post com dicas de aplicativos de decoração para celulares!

Hotéis que são verdadeiras galerias de arte

Já pensou em se hospedar em um hotel que é uma verdadeira galeria de arte? Uma rede europeia superdescolada chamada art’otel (assim mesmo, em letras minúsculas e sem o “h”) faz com que a gente tenha essa sensação, dormindo e tomando o café da manhã em meio a obras de Andy Warhol, esculturas e instalações de Wolf Vostell e de outros artistas.

Ao todo, são seis hotéis situados em Berlim, Dresden, Munique, Colônia e Budapeste. As obras, todas de artistas que se consagraram após 1945, foram pensadas ou adquiridas especialmente para cada uma das unidades do grupo, e ficam expostas em ambientes criados por arquitetos e designers de interiores.

Assim dá até mais vontade de viajar, não?

Em Berlim, o Central Berlin Hotel apresenta obras de Andy Warhol.

Em Berlim, hotel da rede art'hotel abriga obras de Andy Warhol

Com o fundo branco, quadro do artista serve como cabeceira da cama e dá mais movimento ao quarto, todo branco com detalhes em vermelho

O hotel fica pertinho da Ku’damm, considerada a maior loja do mundo. Se estiver por ali, aproveite e conheça o sexto e o sétimo andares do shopping, voltados para alimentação. Cada ilha é destinada a um tipo específico de iguarias, como lagostas, ostras e camarões.

Também em Berlim, o grupo tem um outro hotel perto da Ku’damm, o By Park Plaza. Ali, o turista se hospeda em meio a obras originais do artista Wolf Vostell, incluindo litografias assinadas, esculturas e quadros.

Escultura de Wolf Vostell: cada unidade da rede art'hotel homenageia um artista e hóspedes ficam em meio a galerias de arte

Obra do artista Wolf Vostell ganha destaque no bar no hotel, todo em branco, para não ofuscar a peça. Repare na iluminação do balcão, que dá toque de modernidade ao ambiente

Em Colônia, os quartos foram construídos inspirados nas obras da artista coreana Seo.

Quarto branco com detalhes em vermelho permitem que obras de arte se valorizem

Novamente, a estrela do quarto é o quadro da artista. As cores branco e vermelho, bem neutras, permitem que a obra se destaque na decoração

Já em Dresden, o homenageado é o alemão A.R. Penck, artista local que ganhou projeção no mundo todo com seus quadros, desenhos e esculturas.

Escultura do alemão A.R. Penck fica em local privilegiado do hotel. A sacada tem uma linda vista para a cidade de Dresden e obra parece estar guardando o visual

Budapeste, na Hungria, é a única cidade a hospedar um hotel do grupo fora da Alemanha. O hotel tem mais de 600 trabalhos originais do americano contemporâneo Donald Sultan.

Loggy do hotel em Budapest, que mescla arte e design na decoração

Donald Sultan é a inspiração do hotel do grupo em Budapeste, na Hungria. Gravuras enfeitam o lobby e fazem turista se sentir em verdadeira galeria de arte

Fotos: art’otel