Piso laminado na cozinha, pode?

Você já viu que este mês eu sou a profissional responsável por responder perguntas dos leitores da Casa Cláudia? Corre lá pra me prestigiar 🙂

E surgiu uma pergunta bem interessante que achei bacana contar a resposta pra vocês também.

Posso colocar piso laminado na cozinha?

Já faz um tempo que a cozinha virou um ambiente social, onde a gente cozinha junto com os amigos e bate papo no fim do dia com a família. Cada vez mais queremos uma cozinha integrada com a sala. E para promover a integração visual desses ambientes, e não deixar a sala com cara de cozinha, podemos usar os mesmos materiais, cores e estilos.

painel de madeira na cozinha

cozinha integrada

Utilizar o mesmo piso é uma boa opção e a integração visual fica nítida. Porcelanato, alguns tipos de pedras naturais, cimento queimado e ladrilhos hidráulicos são ótimas alternativas para isso. Acontece que todos esses são pisos frios e, às vezes, a gente quer madeira, mesmo, bem aconchegante. Mas… tem que ter muita grana pra forrar a casa inteira de madeira, né? Os pisos laminados são uma alternativa comum para trazer essas sensações da madeira para dentro de casa, apresentam uma boa durabilidade e são de manutenção simples. E aí surge a pergunta: e na cozinha, dá certo?

A resposta é: pode. Mas, como tudo na vida, é uma escolha que envolve alguns impactos. O piso laminado não pode ser lavado com água, como é costume aqui no Brasil. A limpeza é com um pano úmido e sabão neutro, somente.

Ou seja, se você é um gourmet de mão cheia, adora experimentar mil receitas, refoga arroz diariamente, cozinha bastante ou faz frituras com alguma frequência, é bom ficar atento. De duas uma: o piso vai ficar sujo e manchar, durando pouco, ou você vai ter um trabalhão para manter limpinho.

Mas, se você é do tipo prático que compra lasanha congelada e só tem o trabalho de colocá-la no micro-ondas, não é nada grave. A limpeza que o piso da cozinha vai demandar vai ser similar à do piso da sala de jantar. E se você um dia resolver cozinhar pra fazer graça, é só limpar conforme orientação do fabricante depois. De qualquer forma, o cuidado para não encharcar o piso lavando louça continua valendo, ok?

Você tem piso laminado na cozinha? Conta aí pra gente se você acha que deu certo!

Imagens: 1 | 2

Quer saber mais sobre tendências na cozinha?  Falei disso lá no Conversa na Cozinha em 2011, lembram?

E tem também algumas dicas sobre cozinhas americanas, sobre o uso de depuradores e coifas em cozinhas integradas e, por que não, ter um sofá na cozinha.

Um achado: apartamento moderno recheado de móveis antigos

Todo mundo sabe que está na moda garimpar móveis e objetos antigos (ou velhos, mesmo). Mas o que todo mundo sempre pensa é em repaginar, dar um ar mais contemporâneo ao móvel para fazer um belo contraste de estilos. Agora, garimpar antiguidade de verdade e fazer todo um ambiente ser super atual é outra coisa. Este apartamento é a prova de que essa combinação é fantástica. Está à venda, e grande parte dos móveis fica!

aparador no hall de entrada

O piso de taco e a porta de ferro não deixam mentir: este não é um apartamento recém construído. Um rádio que virou aparador e o espelho assimétrico já deixam qualquer um admirado. E a parede azul petróleo (em tempo, uma cor bem presente no Salão do Móvel de Milão este ano) avisa que este não é um imóvel qualquer.

paredes em tons de azul

Da sala, uma abertura na parede azul celeste parece emoldurar a composição do hall. Os batentes em branco dão ainda mais destaque às cores escolhidas.

esculturas antigas sobre aparador de madeira

Os diferentes tons de azul abraçam os inúmeros objetos e móveis antigos do apartamento. O rodapé, em um tom mais escuro, faz a conexão de tudo. Uma boa aplicação de Color Block na decoração 😉

A gente sabe que azul é uma cor fria, mas repare nas próximas fotos como o salão é bem aconchegante. Tapetes e estofados charmosos, móveis e objetos com história e personalidade dão uma cara muito pessoal à casa.

sala de jantar integrada

A mesa de jantar sobre o tapete em diagonal parece dançar pela sala. O jogo de linhas retas desalinhadas no piso quebra regras e, junto com a excelente iluminação natural, dá uma ar de liberdade e movimento delicioso.

sala em azul e vermelho

A sala é enorme e foi dividida em 3 ambientes. Sofás, poltronas, bancos e tapetes, tudo com muita personalidade. Toques de vermelho em pufes e almofadas deixam a sala mais interessante. O banco de madeira é uma boa solução para não isolar os ambientes, deixando a conversa fluir quando a festa é maior. Esta sala me lembrou um post que fiz para ajudar uma leitora a organizar uma sala muito grande, lembram?

cozinha ampla integrada com a sala

A cozinha é totalmente aberta para o salão e quebra o padrão do antigo. Brancona e com muito metal, tem ares de industrial. Mas à direita uma parede burgundy burgundy (outra cor no auge da moda) quebra a frieza e faz um contraste lindo que aquece a cozinha moderníssima com arte. (Viu os janelões do piso ao teto lá na sala?)

cozinha com piso de ladrilho hidráulico

A parede burgundy e o piso de ladrilho hidráulico, bem retrô. Nem parece a mesma cozinha, bem acolhedora. E a sala de almoço é bem iluminada por uma janela generosa.

lavabo cinza, branco e vermelho

Muita gente esquece que branco e cinza são cores que podem fazer efeitos interessantíssimos na decoração. Aqui os banheiros bem neutros, mas nada daquela máxima de ousar no lavabo e deixar o resto da casa sem graça. Tudo faz sentido e a brincadeira entre o antigo e novo continua: repare nas torneiras.

banheiro do casal com cuba dupla

O banheiro da suíte tem uma configuração bem atual, com duas cubas e bastante simetria. Mas os acabamentos são tradicionais, com aquela cara gostosa de casa da avó. E o detalhe das luminárias em cores diferentes para cada espelho?

Se interessou?

285m2, 4 quartos com 1 suíte

VENDA: $1.770.000,00

COND: $990,00

IPTU: $2.200,00/ ano

INFO: casadaidea[arroba]gmail.com

Cozinha americana é modismo?

Você imagina o que era uma cozinha na idade média? Não tinha fogão nem forno de micro-ondas, gás encanado nem eletricidade, era uma fogueira a lenha no meio da cozinha e ainda nem tinham inventado a chaminé – fumaça pra todo lado. E no período colonial? Que a cozinha tinha que ficar separada da casa grande para garantir a distância entre os escravos e seus senhores? Nos climas frios, em que o calorzinho do fogo era útil para aquecer as casas, eles colocavam a cozinha no subsolo e uma escada daquelas bem sinistras para que os servos levassem a comida para a sala, logo acima.

Como seria a cozinha do Castelo Stirling, na Escócia.

A gente nunca para pra pensar na influência que aspectos sociológicos, culturais, ou que o clima e os avanços tecnológicos exercem sobre a arquitetura. A cozinha americana é apenas uma evolução de arquitetura que acompanha os avanços da humanidade. Os depuradores de ar e coifas de hoje são muito melhores do que as chaminés, e minimizam a fumaça que empesteia a casa com aquele cheiro de alho. Cem anos atrás ninguém pensava em congelar comida em casa… hoje quem vive sem? E não conheço ninguém que tenha escravos e poucos querem uma empregada que fique para cozinhar num sábado à noite, todo mundo quer mostrar seu lado chef pros amigos.

Todos querem ser Jamie Oliver.

O mundo mudou, a gente mudou e nossas casas acompanham tudo isso. Um designer famoso, Johnny Grey, diz que a cozinha não é mais uma verdadeira cozinha. A preparação de alimentos se tornou apenas uma de suas funções e que, frequentemente, é o único lugar da casa em que um casal passa tempo juntos enquanto estão acordados. Conclusão: a cozinha hoje é um lugar de convivência.

Sendo assim, se sua vida se parece com a que Johnny Grey descreve, você vai aproveitar muito uma cozinha mais aberta, integrada com a área social da sua casa. E para isso, a decoração da cozinha tem que acompanhar a da sala, não pode ter cara de cozinha medieval, hein?

fotos cozinhas americanas

Repare como, mesmo aberta para a sala, ela tem “cara de cozinha”. Cozinha, mesmo, não está feita para ser um ambiente social.

cozinhas americanas brancas

Parece cozinha? Ela está totalmente integrada na decoração do restante da área social da casa. Mesmos materiais, cores, linhas e estilos. {DB}

cozinha americana decoração

Decoração com muito estilo, mas sem depurador de ar, nem pensar! Sua casa toda vai ficar com o cheiro que estiver na cozinha… e eu também inverteria a posição do fogão com a geladeira para evitar o trânsito das pessoas buscando bebida enquanto alguém cozinha. {casa}

cozinhas americanas modernas

Esta cozinha é da arquiteta Patrícia Bomfá. Ela é bastante funcional, as formas curvas acompanham o fluxo de pessoas, a geladeira está numa posição que tanto quem cozinha quanto quem precisa pegar uma cerveja não vão se atrapalhar. O cuidado aqui é para a falta de espaço de armazenagem – perdendo paredes você perde armários.

fotos de cozinhas americanas

Para quem tem pouco espaço e não vai fazer grandes jantares, esta bancada resolve bem. Mas atenção para quem quer ter, além da bancada, a sala de jantar – uma das duas vai ficar sub-utilizada. {emma}

cozinha americana pequena

Esta mesinha, muito útil no café da manhã, pode atrapalhar o vai e vem da cozinha, a cadeira está bem no meio do caminho… {casa}

Uma amiga me disse que “esse negócio não funciona pra quem tem criança em casa” e eu digo porque acho justamente o contrário: enquanto você está cozinhando, você observa seus filhos. As crianças vão crescer vendo a cozinha de um jeito mais tranquilo. Eu tenho trauma de lavar louça porque a cozinha era o lugar de trabalho duro, que você ficava escondida, sozinha, lavando louça do domingo enquanto o resto da família assistia TV. Seria muito mais legal ajudar em casa se tivesse todo mundo pertinho 😉

Enfim, a cozinha integrada não é um simples modismo, ela faz muito mais sentido no nosso atual estilo de vida. Mas prepare a decoração pensando num ambiente de convivência, não mais de trabalho pesado, combinado?

Outro post de design de cozinhas.

Imagens: casa.com.brDesignBoomEmma’s design blogg

Ford na Cozinha

Os administradores, engenheiros e marketeiros vão se lembrar de Ford e da obsessão por produtividade que ele tinha, chegando a dizer que poderiam ser produzidos automóveis de qualquer cor, desde que fossem pretos. O motivo disto era que a tinta na cor preta secava mais rápido e os carros poderiam ser montados mais rapidamente.

Os arquitetos também enxergaram na cozinha as células de trabalho especializadas: o fogão, a geladeira e a pia. A partir dessas células, analisaram o processo de preparação de alimentos para otimizá-lo e eliminar movimentos inúteis.

planejamento cozinha

Com esse estudo, nos anos 50, surgiu o work triangle (triângulo de trabalho) para que a preparação de alimentos ocorresse de maneira funcional, com a máxima eficácia, evitando o risco de acidentes e congestionamento de pessoas dentro do cômodo.

distribuicao cozinha

Algumas regras básicas do work triangle na cozinha:

1 – A distância entre um vértice do triângulo e outro deve estar entre 1,20m e 2,75m para otimização de espaço e ergonomia.

2 – Não pode haver nenhum móvel  no caminho desenhado pelo triângulo – mesas de almoço, armário… nada!

3 – O triângulo não pode estar no caminho de pessoas que não estejam cozinhando, como as que entram na cozinha só para pegar uma bebida na geladeira.

melhor posicao cozinha

Diversas disposições para formar o triângulo.

O work triangle é um ponto de partida importante para desenhar uma cozinha. Mas muita coisa mudou nos últimos 60 anos, quando ele foi concebido. Inúmeros eletrodomésticos que não foram contemplados no estudo se popularizaram – micro-ondas, lava-louças, forno elétrico, cooktop, para citar os mais importantes. Para ajudar a fazer um projeto de cozinha com funcionalidade, os vértices do triângulo podem ser alterados para setores, em vez de eletrodomésticos, como armazenagem (geladeira, freezer e despensa), limpeza (pia e lava-louças) e cocção (fogão, micro-ondas, forno e cooktop).

E o estilo de vida de cada um é bastante relevante também. O conceito de que somente uma pessoa prepara os alimentos já não é sempre verdade – muitos maridos entram na cozinha para ajudar (ou pelo menos tentam), alguns até convidam amigos para servir sua mais nova receita de risoto, viram verdadeiros chefs, e os convidados resolvem entrar na farra para checar o corte daquela faca nova que ele tanto falou.

cozinha moderna

Olha que delícia! Dá até vontade de cozinhar…

As cozinhas abertas e ilhas estão cada vez mais populares, já que a cozinha está virando o centro social da casa, cômodo que antes era escondido e considerado “área de serviço”. E com tudo isso, o vai e vem na cozinha muda bastante. No meu apartamento, por exemplo, como a cozinha é aberta para a sala de jantar e estar eu eliminei a entrada de serviço. Eram duas portas que levavam ao mesmo lugar e ocupavam uma parede que seria útil para colocar armários.

Mas vamos observar com outros olhos algumas cozinhas lindas e super modernas.

cozinha azul e madeira

Esta cozinha parece funcional para você? Tente encontrar o triângulo. Aqui você só anda de lado.

cozinha moderna

Imagino que aqui todas as travessas vão do forno direto pra sala, né? E ninguém passa no corredor enquanto isso, hein?

cozinha clean

No caminho entre a pia e a geladeira temos dois móveis e um corredor, imagina a quantidade de tropeços e a caminhada diária para se cozinhar aqui.

Mas nem sempre a funcionalidade ao cozinhar é a prioridade. Tem gente que só tem cozinha para não morrer de fome, mora em kitchenettes super apertadas. Também é uma tendência de comportamento e tem gente cuidando disso. Olhem as cozinhas conceito all in one aí embaixo.

design cozinha

Geladeira, micro-ondas, pia e lava-louças. Linda, não?

design na cozinha

É sensacional, mas eu ia ficar meio tonta de ficar andando em círculos.

design de bancada de cozinha

Esta é boa para quem cozinha de verdade só de vez em quando.

Mas eu prefiro uma cozinha de verdade, completinha e funcional. E pra isso não precisa ser nada longe de ma-ra-vi-lho-sa.

cozinha vermelha preta e madeira

Divertida e inesperada, a minha cara esta daí.

cozinha clean e contemporanea

Ampla, integrada, minimalista e funcional. Excelente.

cozinha moderna branca

Toda branca, super equipada e linda.

Viu como dá pra conciliar estética e funcionalidade?

Mais um post de cozinha AQUI.

Fontes: NAX, Dynamicspace

Imagens: Design Milk, Weburbanist, Record Cucine e TokStok