Uma casa de campo minimalista

Uma casa no campo não precisa necessariamente ter uma decoração antiga e tradicional. Esse projeto de arquitetura em uma fazenda da África do Sul é encantador justamente porque consegue fugir do lugar comum e criar ambientes inovadores a partir da mistura do rústico com o clean. Parece contraditório, né?

casa de campo contemporânea

A ideia dos proprietários era construir um pavilhão, no alto de uma montanha e separado da casa principal, onde pudessem relaxar, se divertir e ainda hospedar amigos e parentes.

No deck construído do lado de fora, o futton com almofadas é perfeito para as duas coisas. Ali é possível tanto se deitar para ler um livro e apreciar a paisagem quanto para reunir pessoas queridas para um bate-papo. A ideia do tacho com fogo, uma espécie de lareira portátil, é também muito interessante para aquecer os dias mais frios. As duas cadeiras grandes têm um design lindo e parecem ser super confortáveis.

Piscina interna

A piscina que corre na lateral da sala chama a atenção. Ela fica praticamente dentro de casa e pode ser usada nos dias mais frios, porque é fechada com paredes e teto de vidro. O vidro possibilita a entrada de luz e calor. O destaque fica por conta da parede de terra prensada, chamada no Brasil de taipa de pilão. Para dar esse ar rústico e natural ao projeto, os arquitetos usaram o material em vários ambientes.

banheiro de fazenda

Veja como fica a parede de taipa de pilão no banheiro. A tora de madeira foi usada como aparador e o chão de cimento queimado também traz um ar de rusticidade ao ambiente. Aqui o contraste é trabalhado com a pia e a banheira brancas, ambas com design clean e minimalista.

cozinha minimalista

Minimalismo também na cozinha – branca, toda em linhas retas e acabamento liso e brilhante. Nem puxadores dos armários você vê. O contraste com as vigas e as paredes de madeira traz um efeito bem interessante.

Quarto com dois ambientes

O quarto único é dividido em dois ambientes. As paredes de vidro permitem que os proprietários apreciem a paisagem. Na parede que serve de suporte à cama, a imagem das montanhas da África do Sul simula uma paisagem.

Paredes de vidro, misturar vidro com madeira, árvore dentro de casa.

Uma árvore cresce no meio da sala de jantar e atravessa o teto. A mesa e os bancos de madeira seguem essa ideia de uma casa natural. As paredes também são de vidro, o que garante um ambiente naturalmente iluminado. As cores ficam por conta de pequenos objetos e de uma linda colcha cobrindo um dos bancos.

Você acha que esta é uma casa minimalista ou rústica? Projeto inspirador, não? Encontramos aqui.