O Dourado Não Precisa Ser Brega

O brilho metálico está na moda há algum tempo. Os acessórios, que antes tinham que ser prateados, já abraçaram o dourado faz tempo. Tem um monte de bolsas e sapatos lindos com fivelas douradas e até couro dourado. E como a moda influencia a decoração, já vemos os brilhos invadindo nossas casas.
Não sei você, mas o dourado me remetia a coisas antigas e a palacetes aristocratas, por isso me gerava uma certa repulsa quando utilizado em casas reais. Você não acha achava meio brega quando ia na casa da mãe da sua amiga e as torneiras eram douradas?

quarto dourado

1. Usar o dourado com linhas clássicas vai continuar remetendo a palácios franceses ou a igrejas barrocas

Para ficar longe da relação com o clássico, a dica é usar o dourado com linhas modernas.

metais banheiro

2. Um design super atual com a riqueza do dourado. Bem diferente da casa da mãe da amiga, né?

Ou usar em lugares inesperados.

sofa bege com almofadas rosa

3. A cúpula dourada da luminária traz requinte para uma sala neutra e suave.

quarto cinza

4. O preto e o cinza dão destaque ao puxador, à moldura do quadro e à cabeceira da cama. A combinação é pura sofisticação.

parede preta na sala

5. Mais contraste entre os cinzas profundos, o preto e o dourado em uma sala bem masculina. O brilho dos quadros ilumina e as almofadas douradas ajudam a dar movimento e não deixar os quadros desviarem tanto o nosso olhar para cima, distribuindo o "brilho" verticalmente.

sofa rosa e papel de parede lilas

6. Agora o dourado em uma sala super feminina, presente na moldura do espelho, nos pés do sofá Luis XV, passando, claro, pela almofada de paetê. Um luxo só. Agora me responda como pode um sofá Luis XV de pés dourados compor uma sala moderna? Taí a prova de que dá.

pastilha de vidro dourada

7. Quem foi na Casa Cor SP ano passado viu esta parede de pastilhas douradas na varanda. Repare no contraste com a parede de bambu ao fundo, o tronco rústico e os tecidos peludos e com estampas de bichos. Um ambiente no limite entre o aconchegante e o sofisticado.

sala marrom e bege

8. Mas mesmo ficando no clássico, com tons neutros de fundo como o bege, o ambiente não fica carregado. Aliás, a mistura do brilho da seda com o brilho metálico do dourado fica elegantésima.

E você? Já incorporou o dourado na sua casa ou ainda acha que é uma “cor” ultrapassada? Fiquei curiosa pra saber a sua opinião…

Imagens: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8

6 respostas em “O Dourado Não Precisa Ser Brega

  1. Concordo com o Teddy: O abajour eh show! Ja aquele amontoado de quadrinhos ficou meio “over”. E a torneira me fez pensar em como seria um desenho do Tio Patinhas num remake do novo milenio ahahahah 🙂

  2. Gostei. Mas pra mim, curto mais quando são toques mais inusitados, como na foto 3 com o abajour dourado. Se colocar muito dourado ainda acho meio “dondoca” demais, rsrsrs. Ótimo post.

  3. Oi Manu, na minha casa não tenho nada dourado… pra falar a verdade não curto muito, porém ainda não tive oportunidade de deixar a minha casa (até pq ela não é minha ainda) com uma cara bacana… em breve… quem sabe aí eu nao compro uma torneira linda igual essa… rs

  4. Oi Manu, achei tudo lindo, mas na minha casa não ficaria bom. Sabe de que mais gostei? Do sofá rosa (que cuti), amei, queria um rsrsrsrs.
    Continue a nos prestigiar com belas imagens.
    Beijos… Silvana.

  5. Pingback: Tweets that mention O Dourado Não Precisa Ser Brega « casa da id&a -- Topsy.com

Os comentários estão desativados.